MZ Folia! Carnaval & Cia.

Gabriel Castro coordenará a ala de passistas da Vila

Gabriel e Fernando FernandesA Unidos de Vila Isabel anuncia mais uma aquisição relevante no seu time para o Carnaval 2019. Gabriel Castro é o novo coordenador da ala de passistas da escola. Com passagens por diversas escolas ocupando este cargo e ganhador do Estandarte de Ouro de 2015 pela Mocidade Independente de Padre Miguel, o talentoso jovem chega para, de acordo com o presidente Fernando Fernandes, repaginar a ala da azul e branca.

- Temos grandes passistas e muitos talentos, não tenho dúvidas disso. E o Gabriel Castro chega para potencializar isso. Ele já desfilou na escola, conhece o nosso jeito de sambar. É um garoto muito bom e reconhecido no mundo do samba como uma das referências da nova geração. O trabalho que ele faz tende a crescer ainda mais na Unidos de Vila Isabel - afirmou o dirigente.
Desenvolvido pelo carnavalesco Edson Pereira, o enredo da azul e branca prestará homenagem a cidade de Petrópolis com o título ''  Em nome do Pai, do Filho e dos Santos. A Vila canta a Cidade de Pedro'. A agremiação do bairro de Noel Rosa será a a segunda a pisar na Marquês de Sapucaí na segunda-feira de folia.

Maryane Hipólito sobre reinado na Cubango: 'Aqui criei a minha identidade'

Mary HipolitoUm dos lemas da administração do presidente Rogério Belisário, que desde o ano passado comanda a Acadêmicos do Cubango, é a valorização da comunidade. A expressão ''Resgata Cubango'' é adotada na prática no dia a dia, nos segmentos e em diversas ações. Uma delas estará presente à frente da bateria Ritmo Folgado em 2019. A ex-passista e musa da escola, Maryanne Hipólito, será a rainha dos ritmistas do mestre Demétrius. A coroação acontece na final de samba-enredo, no dia 25 de agosto.

- Ser rainha da Cubango pra mim é uma realização! Comecei a frequentar a escola ainda criança e foi na escola que criei a minha identidade no carnaval. Fui passista mirim, integrei o time de passistas show e tive a grande oportunidade de ser musa por três anos consecutivos. De início não imaginava que poderia chegar tão longe, via tudo como uma diversão de criança, mas o tempo foi passando e fui conhecendo melhor as coisas -  afirma ela, que iniciou no carnaval com apenas seis anos, na ala mirim da Caprichosos de Pilares. Ao todo são nove anos de verde e branca.
Completamente integrada ao cotidiano da escola, tem pessoas de seu convívio desde criança na Cubango. Por isso afirma que muitas vezes se sente num ambiente familiar. Sobre referências, Maryanne diz: - Como passista, o meu professor Carlinhos do Salgueiro é o grande exemplo que sigo. Já como rainha tenho três referências: Evellyn Bastos, Camila Silva e Aline Oliveira.
O samba no pé, a beleza, e a simpatia de Maryanne Hipólito poderão ser vistas de perto neste domingo, dia 29 de julho, quando a beldade se apresentará pela primeira vez à frente da bateria. Ela estará presente na feijoada que marcará também a apresentação dos sambas concorrentes da agremiação para o Carnaval 2019. O evento, que acontece na quadra da escola e começa às 13h, terá também uma roda de samba e apresentação dos segmentos. A entrada é franca e o prato de feijoada sai a R$ 10.
A quadra da Acadêmicos do Cubango fica na rua Noronha Torrezão, 560, em Niterói. O tema ''Igbá Cubango - a alma das coisas e a arte dos milagres'' será desenvolvido pelos carnavalescos Gabriel Haddad e Leonardo Bora, além do pesquisador Vinícius Natal. A escola será a será a sexta a desfilar no sábado de carnaval em 2019.
 
Foto: Alex Nunes

Renascer de Jacarepaguá: Silvia Schreiber segue à frente da bateria de Mestre Dinho


rainha renacer

Pelo segundo ano consecutivo, modelo vai sera rainha dos ritmistas da Zona Oeste
Os agitos de Carnaval não param para a Renascer de Jacarepaguá. Após apresentar enredo que vai falar sobre os festejos em homenagem a Iemanjá no tradicional bairro do Rio Vermelho, em Salvador, a vermelho, amarelo e branco da Zona Oeste confirma, pelo segundo ano, a presença da modelo Silvia Schreiber como rainha de bateria da escola. "A Silvia é uma querida por todos dentro da escola justamente por ser uma pessoa humilde e muito dedicada. Ela não mede esforços para estar conosco em todas as oportunidades e se integrou muito bem à família Renascer", diz Tatiana Mello, gestora da agremiação. 
Apaixonada pela folia, a gaúcha Silvia sempre esteve envolvida com o Carnaval desde pequena. "Quando criança, lembro que ficava ansiosa na época do Carnaval só para ir aos bailes infantis e aqueles concursos de fantasia de luxo me fascinavam. Já na adolescência, minha primeira experiencia no Carnaval foi em um desfile na minha cidade, onde tive a oportunidade de ir à frente das escolas e tenho certeza de que fui a mais animada", brinca a modelo e atriz, que já atuou como dublê de corpo. 
 
rainha renascer2
Fã de Luma de Oliveira, Silvinha, como é carinhosamente chamada pelos integrantes da agremiação, também estreou na mesma escola da modelo que fez história no Carnaval, a Caprichosos de Pilares.  Com espírito carnavalesco, a bela também já carimbou participações em várias escolas cariocas, mas a experiência como rainha de bateria aconteceu, primeiramente na Unidos da Ponte. O amor pela Renascer, no entanto, já é garantido e, segundo a majestade da bateria, eterno. "Sempre admirei a Renascer, tanto pela garra da diretoria e pela paixão dos componentes, quanto pelas obras de arte em forma de samba e do belíssimo espetáculo que sempre são apresentados na avenida. Toda comunidade me recebeu de braços abertos e sempre farei questão de devolver esse carinho a cada um deles", comenta Silvia confessando que 2018 foi um dos momentos mais felizes de sua trajetória. “ Achei que ficaria tensa pela responsabilidade de representar essa escola tão amada, mas eu estava tão feliz, tão emocionada e realizada que nem sobrou espaço para a tensão", finaliza ela que está se formando em biomedicina.
A Renascer será a segunda escola a desfilar pela Série A do Carnaval carioca, no sábado de Carnaval.
 
Foto 2 - Léo Cordeiro

Acadêmicos do Tucuruvi divulga vídeo institucional do enredo 2019

Logo Enredo Tucuruvi 2019A Escola de Samba Acadêmicos do Tucuruvi, do grupo especial do carnaval de São Paulo, apresentará no carnaval 2019 o enredo de título: "Liberdade: O Brado Retumbante De Um Povo Heroico".

O carnavalesco Dione Leite, estreante na agremiação da Cantareira, comenta brevemente como será a apresentação da escola durante o desfile no Sambódromo do Anhembi.

"Traçaremos um paralelo entre a realidade e a fantasia, mostrando através da história do Brasil desde a invasão do Pindorama até os dias de hoje que a resistência é o D.N.A do nosso povo que sobrevive ao opressor do poder.

O enredo que abrange tanto o histórico como o contemporâneo e será a ferramenta ideal para que juntos possamos entoar o mais altos dos cantos pela liberdade em nosso país, por nossas causas e lutas... que venha 2019, pois a família do Zaca levantará junto a todos vocês a bandeira pela liberdade!"

https://www.youtube.com/watch?v=7b1DbsJpX6I&t=15s

No carnaval de 2019, a agremiação que é Presidida pelo Sr.Jamil ElSelam, será a 4ª escola a desfilar na sexta-feira de carnaval, dia 1º de março, sendo a primeira noite dos desfiles do grupo especial Paulistano. 

Exposição comemorará os 70 anos da Beija-Flor

Beija Flor exposioA Beija-Flor de Nilópolis completa 70 anos no próximo 25 de dezembro, e prepara uma série de comemorações para celebrar data. Uma delas promete emocionar os amantes da escola e também os admiradores do samba. O departamento cultural da Deusa da Passarela vem reunindo uma série de artigos históricos da trajetória da agremiação para uma exposição que acontecerá em dezembro de 2018, no Centro de Artes Calouste Gulbekian, na rua Benedito Hipólito, ao lado da Marquês de Sapucaí e em frente ao Terreirão do Samba.

A mostra terá todo o conteúdo textual produzido pelo jornalista Aydano André Motta, que também é biógrafo da Beija-Flor. Nesta semana, a secretária de cultura do município do Rio de Janeiro, Nilcemar Nogueira, e a pesquisadora Rachel Valença, estiveram no barracão da azul e branca para iniciar os trâmites da exposição. Elas conversaram com a diretoria da escola. A porta-bandeira Selminha Sorriso, ícone da história da Deusa da Passarela, também marcou presença.