MZ Na Gira do Samba por Cris Macedo

CABARÉ DO MALANDRO EDIÇÃO MARÇO

A Lapa nunca mais será a mesma, esse lugar berço da malandragem ficou ainda mais especial com a presença do evento CABARÉ DO MALANDRO idealizado pelo passista Celynho Show que sabe tudo e um pouco mais de samba e malandragem.

        Celynho Show comanda esse espetáculo com a presença de vários malandros e cabrochas com muito samba no pé. Ele que é chamado por muitos como o Rei da Malandragem, Celynho Show conta que o CABARÉ DO MALANDRO, foi criado em 2010,quando completava 30 anos de samba e queria fazer algo diferente, que chamasse a atenção e as pessoas viessem pelo nome, que vissem como uma coisa legal, e na semana do primeiro evento em 16 de Maio de 2010, surgiu o nome CABARÉ.
            Amante da boêmia, da malandragem e apaixonado pelo universo da Lapa, o passista criou o Cabaré do Malandro, a história da malandragem musical, e foi realizando eventos. Celynho destaca que tudo isso começou na escola Acadêmicos do Engenho da Rainha, onde teve oportunidade de viver sua paixão pelo carnaval desde os 10 anos de idade, desfilando na ala do seu pai.
        No último dia 08 de Fevereiro, Celynho Show fez mais uma edição do CABARÉ DO MALANDO, no Aconchego do Malandro, na Lapa, evento pré carnavalesco agitado pela cantora Margarete Mendes, que nos prestigia com um show junto com sua Banda Mojubá.
        Vários malandros, entre eles, Eduardo Telles, Raphael Soares, Lúcio Américo, Jeff Duarte, Hamilton Alves, Odair Ribeiro, Gabriel Leão e passistas femininas como Thai Rodrigues e Marcelly Bittencourt, fizeram um verdadeiro show de samba. Lindas cabrochas embelezaram ainda mais o cenário da festa, como Jeise Lima, de marinheira, Paty Gomes e Naiara Candioto de melindrosas, 
         Com produção de tirar o chapéu,e um bela decoração carnavalesca  esse grupo que segue unido em todos as edições do CABARÉ DO MALANDRO, parou  o trânsito da Av, Men de Sá com sua perfomance. Comandados por Celynho Show e a cada dia o evento ganha mais fãs e seguidores e repercussão na Imprensa. 
         Com certeza nesse ano que Celynho show completa 35 anos de samba, ainda teremos muitas outras edições com surpresas maravilhosas e convidados especiais. Aguardem. Então aplausos e Salve a Malandragem. 
 

Milton Cunha lança livro na Cidade do Samba

   

O carnaval é a festa da alegria, e o carnavalesco Milton Cunha não poderia escolher melhor local e cenário para o lançamento do livro “Carnaval é Cultura”

     Milton Cunha, fez uma tarde de autógrafos na Cidade do Samba na ultima sexta-feira (6), regada a feijoada,  cerveja e muito samba,  com  apresentação das sete agremiações  por onde deixou sua marca,  e recebeu com toda majestade e brilho  seus seguidores, fãs, amigos, artistas e personalidades do Mundo do Samba.

     O livro, editado pelo SENAC São Paulo, conta todo o trabalho realizado pelo carnavalesco em cada uma das escolas e mostra como  fazer um carnaval desde os bastidores até o desfile. Em cada anotação e  foto, mais de 500, se detalha e registra tudo que se faz, desde um simples figurino até a chegada na avenida. Como descreveu o próprio Milton, é uma aula sobre carnaval que conta até com um glossário sobre os termos do carnaval  para quem deseja aprender sobre o tema.

       O evento começou com  passistas malandros, posicionados estrategicamente na área de alimentação da festa, que foi ambientada pelos músicos do Grupo Regente, que recepcionaram  as Baterias das escolas de samba citadas no livro.

A corte do carnaval carioca marcou presença, com muita animação!  Rei momo, a rainha e as princesas do carnaval mostraram alegria e simpatia, como de costume.

        Milton Cunha foi o apresentador do espetáculo e enaltecia a presença de todos os seus convidados. Emocionado agradeceu a presença do presidente de honra da Beija-flor de Nilópolis, Anízio Abrão Davi, a quem dedicou sua carreira. E se declarou fã da carnavalesca Rosa Magalhães.

         No palco, Milton Cunha, autografou seus livros sempre com sua alegria contagiante, reverenciou aqueles que tiveram participação em seu livro, como a atriz Isabel Filardis. Felicíssimo, Milton sambou e se divertiu com cada uma das baterias das escolas participantes..

          O evento contou com a participação especial das escolas de samba: Acadêmicos do Cubango, União Da Ilha, Unidos Da Tijuca, São Clemente, Porto da Pedra, Viradouro e Beija-Flor.

          Além das escolas, personalidades do samba e artistas estavam presentes, a ex globeleza Valéria Valenssa, Tia Surica,  a cantora Alcione, Chiquinho Da Mangueira, Aldione Senna, os carnavalescos Fran Sergio e André Cezari da Beija-flor de Nilópolis, entre outros.

 Foi uma festa com todo requinte, produção impecável, alegria, e muito samba no pé para agradar a qualquer folião. Show de cultura e arte.

Cobertura do evento: Cris Macedo